Procurar pneus Dealer Finder

Notícias

Partida rápida em alta no Campeonato de Ciclocrosse DVV

15 de janeiro de 2020

Em Baal, a lama fria salpica Ceylin Alvarado até aos óculos de sol. O esforço é visível na agitação dos seus músculos e depois ultrapassa a sua adversária, Annemarie Worst, na reta final. A corredora da "Women's Elite" consolida assim a sua liderança na categoria de campeã de uma corrida de bicicleta pouco usual. Atrás dela, e de todos os que participam, está uma pista dura. O campeonato belga é um desafio para as pessoas e os equipamentos. Mas é um esforço que vale a pena. Há ainda uma corrida a fazer, e só depois os vencedores do Campeonato de Ciclocrosse UCI poderão segurar o "Troféu DVV Verzekering”.

Imagens/Peter Philipsen: Toyo Tires Quick Start

Na classe masculina, Eli Iserbyt conseguiu lutar para chegar ao primeiro lugar; na classe júnior o belga Timo Kielich e o holandês Fem van Empel têm de provar o que valem. As provas de ciclocrosse são realizadas todos os anos. Corredores internacionais de renome competem numa pista de obstáculos. Neste evento de elite, os espetadores podem apreciar não só as obras-primas do desporto, mas também os equipamentos, que são dos mais avançados na liga dos campeões de ciclocrosse e que conseguem lidar com os requisitos duros da prova.

A Toyo Tires apoia há vários anos a rigorosa corrida de obstáculos como parceiro, assegurando, desta forma, que este campeonato de ciclismo especial se torne cada vez mais popular. Esta prova não é apenas sobre percorrer quilómetros, mas é também sobre a vontade férrea, a técnica excelente e o espírito de equipa. Ao mesmo tempo, 10.000 espetadores entusiastas celebram um festival cheio de cor de articulação atlética ao redor da pista em todas as cidades. Outras centenas de milhares assistem à mesma na televisão. Participantes de 14 países competem entre si no Campeonato de Ciclocrosse DVV e oferecem à sua audiência prestações de excelência.

A Toyo Tires acompanha os atletas com banners ao longo das pistas com todos os tipos de objetos úteis para os espetadores. Por exemplo, capas para a chuva, porque o tempo na Bélgica é muito húmido do inverno, ou batões para o cieiro para proteger contra o tempo frio.

A novidade desta temporada é o Toyo Tires Quick Start. Pretende distinguir a concretização de uma partida rápida, uma vez que os três primeiros a passar o arco Toyo Tires Quick Start receberão um bónus em segundos no final de cada corrida. O vencedor das classificações Quick Start combinadas também receberá 2500 euros em prémio monetário nas classes "Men's Elite" e "Women's Elite". É uma boa razão para dar o máximo na final a 8 de fevereiro, em Lille.